Feeds:
Posts
Comentários

Archive for fevereiro \26\UTC 2010

EXCLUSIVO | DADOS que envolvem câncer em cachorros revelam um alto índice de mortalidade. Segundo a National Canine Cancer Foundation (Fundação Nacional do Câncer Canino) nos EUA, cerca de 50% dos cães que adquirem a doença não sobreviverão. “Se os seres humanos morressem de câncer na mesma quantidade que os cães, essas informações estariam diariamente na televisão e nas reuniões políticas. As nações estariam clamando por uma reação urgente”, acredita o presidente da fundação, Gary D. Nice.

ESSES números, no entanto, podem mudar se o tratamento for realizado da maneira correta e num estágio inicial da doença. Confira a segunda parte da entrevista que Nice concedeu para o CaninaBlog:

CANINA: Alguns donos de cachorros escolhem sacrificar e não deixar o bicho passar por um longo período de dor. Quando essa alternativa é realmente necessária quando há câncer?

Gary D. Nice: Essa decisão é sempre difícil. Para algumas pessoas é muito duro dizer adeus. Mas quando o processo de dor extrema chega, o dono tem que tomar a decisão. Outras pessoas escolhem sacrificar quando os primeiros sinais de dor são percebidos. Nenhuma das escolhas é errada. Há muitos tipos de câncer que podem ser controlados por um longo período e sem dor. No entanto, cachorros com um câncer como o Hemangiossarcoma não tem dor. Por isso a doença se espalha sem ninguém perceber e até que seja tarde demais para tratar.

CANINA: O tratamento contra o câncer em cachorros é similar ao dos humanos?

Gary D. Nice: Nem todo tratamento que funciona em humanos funciona nos cães. Alguns tratamentos podem ser muito tóxicos. Existem organizações que afirmam que o que é capaz de curar um humano também pode curar um cachorro, mas isso não é real. Na verdade, em 2004, o National Institute of Health (Instituto Nacional de Saúde) – que financia a maior parte das pesquisas com seres humanos nos EUA – investiu US$ 32 milhões para mapear o genoma canino. Isso porque os pesquisadores acreditam que a maioria dos tratamentos para o câncer nos seres humanos serão fruto da pesquisa do câncer canino.

LEIA a primeira parte da entrevista com Gary D. Nice.

Anúncios

Read Full Post »

Mochila Tracking Pet, da Galileo’s Club, é fabricada em três tamanhos e é totalmente ajustável

A MOCHILA na foto ao lado é mais do que um acessório da moda para cães. Trata-se de um equipamento que pode ajudar no rendimento dos exercícios caninos. Recomendada por adestradores como Cesar Millan, do programa “Encantador de Cães” exibido no Animal Planet, a mochila promete incrementar em até três vezes o gasto de energia. Isso porque além de transportar água e saquinhos para recolhimento das fezes do cachorro, pode ainda ser preenchida com um peso extra com o objetivo de queimar calorias. Segundo a fabricante do produto, a Galileo’s Club, um passeio de 15 minutos com a mochila Tracking Pet equivale a uma caminhada de 45 minutos.

O SEGUNDO benefício é comportamental. Afinal, cães podem ficar ansiosos por não realizarem nenhum tipo de atividade. E com a mochila nas costas eles teriam a sensação de que estão realizando alguma ação útil ou trabalho.

CONFECCIONADA em tecido lavável e em três tamanhos, a Tracking Pet pode ser utilizada por cachorros com pesos entre 7 e 45 quilos, e são totalmente ajustáveis. Aliás, a fabricante do produto traz instruções bem claras de como a mochila deve ser ajustada e qual o tamanho ideal para seu pet. Afinal, os passeios devem ser motivo de prazer para seu cachorro e nunca uma punição.

Read Full Post »

Slinky, o cachorro feito de mola

ELE pode não ser o personagem mais popular da animação “Toy Story”, mas é sem dúvida um dos mais fofos. Slinky, o cachorro com corpo de mola, volta aos cinemas com toda sua turma nesta sexta-feira (26) nas versões 3D dos filmes “Toy Story” e “Toy Story 2”. Lançado em 1995, o primeiro filme tornou o estúdio Pixar conhecido mundialmente e gerou vários outros sucessos de animação, como “Procurando Nemo” (2003), “Ratatouille” (2007) e o recente “Up – Altas aventuras”.

O RELANÇAMENTO em 3D das duas animações, estreladas pelo cowboy Woody e o astronauta Buzz Lightyear, é um tipo de aquecimento para o que chega aos cinemas brasileiros em junho deste ano: o terceiro filme da série dirigido por Lee Unkrich. Outra novidade é que as duas animações também serão relançadas em DVD em março deste ano. Várias oportunidades para se rever as trapalhadas de Slinky, o cachorro de mola.

ASSISTA o teaser do terceiro “Toy Story” que chega nos cinemas brasileiros em junho deste ano.

Read Full Post »

Lulu e seu dono Travis Buckley: idas ao pub ajudaram a manter vitalidade

ESSA parece ser a semana dos recordes caninos. Primeiro conhecemos George, o cachorro mais alto do mundo. Agora apresentamos Lulu, a candidata a cadela mais velha do planeta. Ela é da raça Beagle, tem 21 anos (cerca de 147 anos caninos) e está ficando completamente cega. No entanto, mesmo com certa dificuldade para caminhar, vai todos os dias ao pub (bar) com seu dono, o inglês Travis Buckley. “A primeira vez que ela entrou no pub era tão pequena que caiu no vão que havia no banco de espera”, lembra Travis, que cuida da cadela desde 1989, quando deu Lulu de presente para a filha. Segundo o médico veterinário Chris Laurence, uma vida social pode ajudar qualquer cachorro a viver mais porque alivia o estresse canino.

LULU deve receber a certificação oficial de cachorro mais velho do mundo pelo Guinness Book, o livro dos recordes, nas próximas semanas. Até então, o recorde é de Chanel, um cachorro de Nova York (EUA) que foi para o céu dos cachorros aos 21 anos em 2009. (Fonte: Metro)

Read Full Post »

Vídeo cãossetadas

ENTEDIADO? Então divirta-se com esse vídeo do YouTube com várias trapalhadas caninas.

E SE você também encontrou um vídeo interessante com cachorros na internet, compartilhe com a gente.

Read Full Post »

Brinquedos feitos para morder

QUEM disse que um mordedor canino feito de corda tem que ser somente um mordedor feito de corda? A marca Jambo acha que não.

ESSES mordedores vem com uma bolinha no centro do corpo e foram desenvolvidos pela marca em três opções divertidas: Vaca, Coelho e Rato. Agora é só deixar seu cachorro escolher aquele que mais merece umas boas mordidas.

VOCÊ já experimentou esse produto? Conte pra gente.

Read Full Post »

Cinema: Ameaça felina

Não é só a cara. Kitty Galore é pura maldade

ELE é a encarnação do mal felino e seu nome é Kitty Galore, o personagem maléfico do novo filme “Como cães e Gatos: a vingança de Kitty Galore”. Membro de uma organização de espiões felinos, Kitty resolve se vingar dos cães e até mesmo se voltar contra seus irmãos gatos. O objetivo? Transformar o mundo em seu imenso poste de afiar as unhas. Diante da ameaça, cães e gatos não têm outra solução senão unir forças contra essa ameaça maluca.

NO BRASIL a produção da Warner Bros. em 3D chega aos cinemas em setembro deste ano. Assim como sua primeira versão de “Como cães e gatos”, lançado em 2001 nos EUA, é uma opção divertida e bem infantil de entretenimento.

ASSISTA ao trailer de “Como cães e Gatos: a vingança de Kitty Galore”.

Read Full Post »

Older Posts »

%d blogueiros gostam disto: