Feeds:
Posts
Comentários

Archive for 26 de setembro de 2011

A função mais popular da raça foi como cão de carruagem acompanhando os cavalos

EXCLUSIVO | O FILME marcou a infância de muita gente. Mas como resistir àqueles filhotes cheios de pintas correndo da perversa Cruela Devil no longa metragem 101 Dálmatas da Disney? Foi justamente no lançamento do filme, no ano de 1996, que a raça se tornou uma das mais populares e ficou muito fácil encontrar um charmoso Dálmata desfilando nas ruas do mundo inteiro.

ATÉ uma especialista na raça, a proprietária do Canil Dalsfort Rachel Fradique, reconhece que a característica mais marcante da raça Dálmata são as pintas. “Nenhuma outra raça é assim, eles têm essa pelagem singular que de longe chama atenção e encanta a todos por onde passa”, declara a criadora sem disfarçar a paixão.

Dálmatas são fãs de esportes caninos

E COMO resistir à uma raça que sorri? É isto mesmo, segundo Rachel, é muito comum exemplares da raça que, quando ficam muito felizes, mostram todos os dentes como num sorriso humano. “Muita gente chega a achar que é agressividade, mas que nada. É apenas um sorriso cheio de dentes”, relata.

MAS não se deixe seduzir por tanto charme, Dálmatas precisam de pulso firme e disciplina desde filhotes. “Por serem muito inteligentes, por vezes são taxados como cães teimosos, portanto precisam de um dono mais teimoso ainda”, explica a criadora. Isto significa que a raça carece de motivação, pois se não for interessante para o cão, ele simplesmente não faz o que o dono manda. “O dono de um Dálmata deve ser persistente, paciente e disposto”, recomenda a dona do Canil Dalsfort de Fortaleza (CE).

VOCÊ também é um apaixonado por Dálmata? Então continue lendo este Perfil da Raça e verifique se você é o dono ideal para esse cão cheio de pintas:

PERSONALIDADE | São carinhosos e adoram abraçar o dono. Muito inteligentes e por isso igualmente persistentes.

LONGEVIDADE | Cerca de 13 anos.

TAMANHO | Machos até 32 quilos e fêmeas até 29 quilos.

O dono ideal é aquele que gosta de atividades ao ar livre

PELAGEM | Pintas nas cores preto ou fígado com o fundo branco puro. Os filhotes nascem brancos e, com o passar dos dias, as pintas vão aparecendo na pele e posteriormente no pêlo. Os cães que já nascem com uma mancha (e não pinta) preta são chamados de patchs e não podem participar de exposições de beleza.

CUIDADOS | Dálmatas com olhos azuis ou de duas cores são muito bonitos. Entretanto, segundo a criadora, não devem ser reproduzidos, pois a surdez tem relação com os olhos azuis.

ESPAÇO | É uma raça bem ativa e precisa de exercícios regulares, uma casa com bastante espaço é o ideal. Se adaptam a lugares menores contanto que sejam supridas suas necessidades diárias de exercício, caso contrário podem se tornar destrutivos e agressivos.

SAÚDE | Cálculo renal é algo comum na raça, por isso é bom redobrar o cuidado. Sendo que o problema genético mais comum é a surdez.

SOCIABILIDADE | Costuma se dar bem com outros cães e animais, mas deve ser socializado desde filhote. No passado acompanhava carruagens e até hoje tem afinidade com cavalos.

PREÇO | Varia de R$ 800 a R$ 1.500 com pedigree.

DICA DO CRIADOR | Se o filhote até dois meses e meio ainda não mostrar as pintas pretas ou fígado, não irá surgir mais. Ao procurar um filhote, observar se tem o “lápis’’ em torno do olho, o contorno deve ser completo.

DONO IDEAL | Dálmatas não são cães para qualquer pessoa, precisam de pulso firme e disciplina desde filhotes. O dono ideal é aquele que gosta de longas caminhadas, atividades ao ar livre e esportes caninos.

(Fonte e imagens: Canil Dalsfort)

As pintas devem aparecer nos filhotes até dois meses, depois disto, não surgirão mais

Read Full Post »

%d blogueiros gostam disto: