Feeds:
Posts
Comentários

Archive for 14 maio, 2012

Ingestão de corpos estranhos é relativamente comum e pode causar problemas

EXCLUSIVO | VOCÊ sabia que o cocô do seu cachorro pode ser um grande indicador da saúde do seu bicho? Isso porque fezes saudáveis tem forma, consistência firme e são brilhantes. Sendo assim, se ao catar a cáca do seu cachorro você notar que ele está com diarréia com ou sem muco ou sangue, aumentou a frequência de defecações, está com dificuldade para defecar ou ainda barulhos abdominais, é melhor consultar um veterinário.

“SÃO os donos que, geralmente, percebem as alterações no cocô e os principais sinais de doenças”, explica a médica veterinária Elaine Pessuto, coordenadora do curso de auxiliar veterinário do Centro de Ensino e Treinamento em Anatomia e Cirurgia Veterinária (CETAC).

Fezes caninas saudáveis tem forma, consistência firme e são brilhantes

CAUSAS de problemas intestinais

ALIMENTOS estragados, fermentados ou contaminados são as principais causas de problemas intestinais. “Mas alguns animais são sensíveis aos componentes da ração e alérgicos aos tipos de proteínas utilizadas”, lembra a médica veterinária. Nestes casos, o médico irá indicar uma investigação mais profunda e uma dieta alternativa.

MAS segundo Elaine, existem muitas doenças que acometem os intestinos dos cães, sendo que os principais agentes infecciosos são parasitas e bactérias. Outra possibilidade são as doenças auto imunes, como a diabetes, e vários tipos de câncer.

ATENÇÃO extra

A INGESTÃO de corpos estranhos também é relativamente comum em cães, principalmente filhotes e raças agitadas. “Esses objetos podem obstruir parcialmente ou até mesmo totalmente, nesses casos temos uma emergência cirúrgica”, explica. Alguns animais ingerem corpos estranhos perfurantes que são extremamente perigosos, podendo levar a rupturas intestinas. Sendo que alguns objetos são mais perigosos do que outros. “Pilhas, baterias e moedas, mesmo pequenas, liberam metais pesados que são altamente tóxicos”, adverte a médica veterinária do CETAC.

CONFIRA também no CaninaBlog:

Invenção transforma a cáca do cachorro em cinzas

Soluções ecológicas para a cáca canina

“Meu cachorro come as próprias fezes”

Ensinando um cão adulto a fazer xixi no lugar certo

Read Full Post »

%d blogueiros gostam disto: