Feeds:
Posts
Comentários

Posts Tagged ‘Não vote em quem não gosta de animais’

Grupo divulga nomes de políticos com posição contra os direitos dos animais

EXCLUSIVO | DIZ O ditado que três coisas não se discutem: política, religião e futebol. Mas o advogado e militante da causa animal Guilherme P. F. Camargo discorda do velho ditado quando o assunto é política. Foi por isso que criou a comunidade virtual “Não vote em quem não gosta de animais” no Facebook que conta atualmente com 6 mil membros diretos e cerca de 300 mil apoiadores indiretos.

TUDO começou com a publicação de uma reportagem da jornalista Juliana Castro, onde denunciava os atos de dois vereadores de Campinas (SP) que apoiavam o sacrifício de animais em sacrifícios religiosos. “Da minha indignação e de milhares de outros protetores surgiu o grupo Não vote em quem não gosta de animais”, explica Camargo. Segundo o criador do grupo, alguns membros são praticantes dessas religiões, mas se opõem a este tipo de sacrifício.

O GRUPO, que começou de forma até despretenciosa, forçou tais políticos a desistiram dos seus apoios e passaram a militar em defesa da causa animal. Este foi a primeira e grande vitória do grupo e novos desafios não param de surgir. Aliás, Camargo defende que todas pessoas que acreditam que todos os bichos devem ser defendidos pela lei, deveriam investigar qual é a posição do seu candidato a respeito.

SAIBA mais nesta entrevista exclusiva com Guilherme P. F. Camargo, advogado, militante da causa animal por diversos grupos de proteção, membro da Comissão de Direitos Humanos da OAB Campinas e fundador do grupo que atua contra políticos que são contra os animais:

Guilherme Camargo é advogado e militante da causa animal

CANINABLOG: Qual é a importância da pessoa investigar a vida política do seu candidato em relação a causa animal?

Guilherme P. F. Camargo: O respeito aos animais reflete-se diretamente na personalidade e forma de gestão dos administradores e políticos. Estudos relevam que aqueles que praticam maus tratos aos animais possuem traços e transtornos de ordem psicológica que inviabilizam o convívio em sociedade e com menor razão, a gestão de milhares delas.
É impensável pensar em governabilidade sem projetos sobre meio ambiente e proteção animal, apesar do atual governo ter dados mostras de retrocesso.

CANINABLOG: Como a pessoa pode descobrir a posição do seu candidato em relação a esse assunto?

Camargo: No site da Sociedade Mundial de Proteção Animal (WSPA) existe uma lista positiva sobre os políticos que militam pela causa animal. As redes sociais também têm se mostrado uma ferramenta poderosa para o conhecimento do real perfil do candidato ativo ou omisso. Caso seja necessário, a pessoa pode perguntar pelo seu candidato no nosso grupo Não vote em quem não gosta de animais, que possui pessoas do Brasil inteiro.

CANINABLOG: E como podemos nos posicionar e realmente fazer a diferença?

Camargo: De duas maneiras, ora tornando público os atos praticados por políticos contra os animais em sua região, ora mostrando o peso do voto animal, conscientizando as demais pessoas sobre o papel de cada candidato.

CONFIRA também no CaninaBlog:

“Sem política pública de castração estamos enxugando gelo”

Protetoras: quem são essas mulheres dedicadas aos bichos

Quando proteger cães se torna um transtorno mental

Anúncios

Read Full Post »

%d blogueiros gostam disto: